Filmes e Séries 

5 razões para se empolgar com Solo: Uma História Star Wars

Mesmo quando os fãs estavam sem esperança e eu me incluo nessa também, sai o primeiro trailer completo para Solo: Uma História Star Wars para mostrar que talvez estejamos bem errados com esse pensamento negativo, provando não só que o spin-off sobreviveu à sua produção toda bagunçada, mas também confirmando que sua data de lançamento de 25 de maio continua firme e forte. O filme sofreu bastante com a falta de marketing, e se a gente for comparar com os filmes da trilogia atual, fica nítido que o investimento não tem sido muito grande. Até agora esse foi um filme muito preocupante para boa parte dos fãs, mas agora que saiu esse novo trailer as esperanças estão voltando com tudo! E para isso separei 5 razões para você ficar tão entusiasmado quanto eu fiquei com esse filme.

#5 – Star Power

Vamos ser honestos vai, o ator de Han Solo, Alden Ehrenreich, não é daqueles que empolga por fazer parte do casting, ele não fez filmes muito conhecidos pela maioria das pessoas, mas, felizmente, ele tem um elenco de apoio muito forte ao seu lado. Obviamente, Woody Harrelson, que interpreta o mentor de Han Beckett, é o nome mais importante, mas não se esqueça de que temos Emilia Clarke (Qi’Ra) e Thandie Newton (papel não divulgado), que são rostos que ficaram bem conhecidos devido a participação em duas séries populares da HBO, Game of Thrones e Westworld. Nesse time ainda temos o Paul Bettany, que ficou muito conhecido pelas suas participações nos filmes da Marvel Studios e ainda temos Donald Glover nosso novo Lando Calrissian que foi bem recebido pelos fãs devido sua experiência tanto no cinema, como na TV. Tem tudo para esse time brilhar não é mesmo, vou ficar na torcida para que o diretor saiba trabalhar bem com eles.

#4- Impressionantes Efeitos Visuais

Independentemente dos seus sentimentos em relação à era Disney da Lucasfilm, você não pode negar que os últimos três filmes foram deslumbrantes, e do pouco que vimos com esse trailer, parece que permanecem no mesmo caminho. A cinematografia no trailer é linda, mas talvez o que mais impressiona seja os efeitos visuais, posso usar de exemplo o tiro do Star Destroyer e TIE Fighters que surgem de uma nuvem de tempestade elétrica. Além disso, o filme parece ter capturado brilhantemente a estética ardilosa das antigas caminhadas de Han.

#3 – Direção de Ron Howard

Lucasfilm teve uma parcela de culpa no drama da direção do filme, que acabou terminando com a demissão de Phil Lord e Chris Miller sem cerimônia no meio da produção. No entanto, as coisas começaram a fluir quando o cineasta Ron Howard, vencedor do Oscar, foi convidado para terminar o Solo, ele refilmou mais de 80% do filme em pouco tempo para estreia, se formos considerar, uma produção do nível de Star Wars, foi um prazo bem apertado. Além de ter dirigido outros filmes anteriormente, Howard tem uma amizade de longa data com o pai da franquia Star Wars, George Lucas, eles trabalharam juntos em 1972 no filme Loucuras de Verão, nessa época Star Wars era apenas uma ideia de louco do George Lucas, e desde o início Ron Howard sempre o acompanhou. De acordo com o criador da franquia “se alguma vez uma pessoa foi feita sob medida para dirigir um filme de Star Wars, é Ron Howard”.

#2- Escrita de Lawrence Kasdan

O que adianta um bom diretor vencedor do Oscar, sem um ótimo roteirista para trabalhar? Muita gente imagina que o diretor é responsável por tudo, em alguns casos sim, mas tendemos a esquecer que o trabalho do diretor é visualizar o roteiro e conseguir transmitir essa visão. Por causa disso que o trabalho de um escritor de primeira linha é tão importante. No caso de Solo, temos pai e filho trabalhando juntos, são Lawrence e Jon Kasdan . É verdade que o currículo de Jon contém mais créditos atuantes do que escritos, mas Lawrence é o homem que teve uma mão na elaboração dos scripts para O Império Contra-Ataca, O Retorno de Jedi e O Despertar da Força, no jogo Sombras do Império, entre outros grandes projetos. Acho que deu pra ver que o cara “manja” de universo Star Wars não é mesmo? Então por isso podemos ficar tranquilos sabendo que o roteiro de solo está em mãos de um veterano.

#1- É o Han Solo!

Nós realmente precisamos explicar isso? Han Solo é indiscutivelmente um dos personagens mais emblemático de todo Star Wars, então por que não devemos ficar entusiasmados com o fato de ele estar ganhando seu próprio filme? Claro, você pode argumentar que Alden Ehrenreich não é Harrison Ford, ou que explorar a história de Han poderia arruinar sua história, da mesma forma que fizeram com o Anakin Skywalker no prequel.

Primeiro ponto, ninguém será igual ao Harrison Ford, jamais será! Mas não é por causa disso que devemos ficar sem histórias desse personagem tão icônico nos filmes. Vou dar um voto de confiança para o trabalho do Alden, faça o mesmo você também, assista sem pré-conceitos! 😉

E sobre o medo de ser algo semelhante aos prequel (para aqueles que não gostaram), hoje em dia a Lucasfilm é uma máquina muito mais eficiente do que era durante a era do prequel, então devemos manter a fé no estúdio, bem como em Ron Howard e Lawrence Kasdan, para a entrega de personagens que faz jus a sua antiga história.

Solo: Uma História Star Wars tem data de estreia para o dia 25 de maio nos cinemas. Já assistiu o trailer? Ficou empolgado, decepcionado… quais são suas expectativas? Deixe aí nos comentários!

Aspirante a designer e desenhista nas horas vagas. Sonha em ser assistente do Batman e passar as férias no Condado. Atualmente sou uma estudiosa do lado negro da força e quero dominar o mundo! xD~

FacebookTwitterYouTube
Facebook Comments
(Visited 14 times, 1 visits today)

Veja esse também!

Leave a Comment